Header image  

No Dia mais Claro, Na Noite Mais Densa, O Mal Sucumbirá Ante A Minha Presença

Todo O Que Venera O Mal Há De Penar, Quando O Poder Do Lanterna Verde Enfrentar!

 
line decor
    ::  
line decor
   
 
INIMIGOS RELACIONADOS

 
  TUBARÃO

IDENTIDADE E HABITAÇÃO: Originalmente um tubarão-tigre. Após sua primeira mutação, baseou-se em Coast City para melhor perseguir Hal Jordan.

PODERES: Conta com incríveis poderes mentais, incluindo a manipulação da matéria e da energia. Com suas habilidades telepáticas, é capaz de incutir o pavor de presa perseguida em quem quiser que olhe em seus olhos; também consegue ler as mentes e descobrir segredos.  Motivado pela genética de predador, usou seus poderes para converter seu corpo físico numa forma humanóide, a fim de devorar um número maior de pessoas. Quanto maior é sua fome que é permanente, mais seu corpo aumenta de tamanho.
ÚLTIMO DESTINO: Após utilizá-lo como isca para conseguirem capturar Hal Jordan, os gremlins o mantiveram sedado dentro de uma cúpula. Ele contudo, fora libertado por Jordan e usado para se derrotar os cientistas alienígenas.  Após Hal Jordan derrotar e entregar os cientistas gremlins à prisão, Tubarão foi entregue à Aeronáutica americana para ser encaminhado.
CONFRONTOS:

1º confronto com Hal Jordan em GREEN LANTERN 24 - 1963: derrotado e involuído geneticamente para a forma de tubarão-tigre e colocado num aquário para tubarões.

2º confronto com Hal Jordan em GREEN LANTERN 28 - 1964: Retornou à sua forma humana utilizando sua telecinésia para tocar em seu antigo uniforme. Derrotado, novamente foi transformado num tubarão, mas desta vez Jordan confisca o uniforme.

HISTÓRIA: A explosão de um componente radioativo no mar, atingiu um tubarão-tigre que nadava no local, fazendo com que milhões de anos de evolução ocorressem em questão de minutos com ele. Logo aproveitou-se de seus poderes e converteu seu corpo numa forma mais humanóide, criando um pseudônimo para si, T.S. Smith.

Considerando os humanos fáceis demais para ele mesmo, procurou desafios maiores em Hal Jordan, o Lanterna Verde. Ao descobrir que não poderia incutir pavor nele, por ser ele um "homem sem medo", desafiou-o para uma luta mortal. Descobrindo, através da leitura da mente de Jordan, sobre a fraqueza do anel perante o amarelo, o vilão usava freqüentemente deste artifício, convertendo toda a pigmentação de seu corpo em amarela, tornando mais difícil a vitória para o herói esmeralda. Este só conseguiu derrotá-lo, quando com seu anel fez o tempo reverter apenas onde o Tubarão estava, fazendo-o regredir até quando era apenas um simples animal. Levou-o até o aquário municipal de Coast City e lá o depositou.

Contudo, sem Jordan perceber, o Tubarão havia teleportado outro tubarão-tigre para onde ele estava, fazendo-o achar que era o vilão que tinha retornado à sua forma original. Revelou-se novamente e atacou a esposa de Tom Kalmaku, Tegra, a fim de chamar a atenção de sua tão desejada presa, o Lanterna Verde. Sendo derrotado, Jordan fez novamente o tempo reverter para o Tubarão certo, que desta vez realmente regrediu à sua forma original. Contudo sua mente permaneceu intocada.

O Tubarão retornou posteriormente em duas ocasiões e enfrentou a Liga da Justiça, em especial, Aquaman com seus poderes telepáticos; em ambas fora derrotado. Obsecado por caçar o Lanterna Verde, enfrentou-o novamente depois de retornar do escape, trabalhando para os guerreiros de Qward. O vilão considerou que o tivesse derrotado, pois o havia aprisionado num caixão dourado de ouro afundado no oceano. Depois, foi até Qward a fim de receber sua recompensa pelo serviço, mas foi trapaceado pelos qwardianos, que conseguiram fazê-lo reverter à sua forma original novamente. Lá ele morreria, se Hal Jordan não tivesse conseguido se desvencilhar e seguido o vilão mutante, trazendo-o de volta à terra e soltando-o no mar em sua forma original de tubarão-tigre.

Através de despejos ilegais de lixo radiativo no mar, pelas indústrias S.T.A.R., no local que era o habitat de tubarões-tigre, o mesmo animal fora exposto novamente e sofrera uma nova mutação evolutiva, convertendo-o num ser com corpo humano e cabeça de tubarão. Com grandes poderes mentais, passou a alimentar-se das memórias e conhecimentos das mentes de pessoas, deixando-as como vegetais- mentais. Através disto seu conhecimento ia aumentando a cada vez mais.

A luta se passava no navio de dejetos radioativos da S.T.A.R., que, bastante avariado corria risco de uma explosão iminente com o excesso de material radioativo. Hal Jordan conseguiu salvar  os que sobreviventes da tripulação, mas o vilão mutante negou auxílio.  A explosão fora muito violenta e desintegrara totalmente o corpo do vilão até o nível atômico.

Meses depois, De posse de um anel energético dado pelo "verdadeiro Guardião", Guy Gardner formou um grupo de guerreiros, todos super-vilões, para destruir a lua de Qward. Sua 1ª escolha fora reviver o Tubarão, fazendo o tempo regredir no local de sua morte, a fim de conseguir a sua lealdade. Mas fora nocauteado pelo vilão ressurreto, que estava furioso, faminto e obsecado em vingar-se de Hal Jordan, nesta época não mais um Lanterna Verde, mas um homem normal.

Fora encontrá-lo na casa de John Stewart, que estava ausente visitando Oa através de sua energia gêmea. Stewart regressou à tempo de livrar Jordan das garras do vilão. Aprendendo sobre ele através da análise da mente de Jordan pelo anel, John conseguiu derrotar o Tubarão, aprisionando-o em uma bolha gigante de energia esmeralda. Em seguida, Gardner chega ao local reivindicando a posse do vilão de Stewart para prosseguir com sua missão, mas os 2 Lanternas Verdes iniciam uma violenta batalha: Gardner querendo levar o vilão para seu grupo e Stewart, levá-lo para a prisão. Ao perceber que o vilão estava desacordado, pela quase falta de oxigênio dentro da bolha, Stewart criara um minúsculo furo na mesma, para que entrasse ar dentro dela. Este fora seu erro, pois o vilão recobrara a consciência e forçara a abertura através daquela pequena fenda, conseguindo escapar. Em seguida, partiu pra cima de John que já estava ocupado lutando com Gardner; não conseguindo lutar com 2 ao mesmo tempo, Stewart fora nocauteado e o Tubarão se preparava para devorá-lo, quando foi detido por Gardner que ameaçou matá-lo se fizesse isto.

A seguir, o vilão aliou-se a Gardner, após ouvir as explicações da missão, no seqüestro dos demais super-vilões escolhidos: Gardner os soltava e ele devorava os guardas que estavam vigiando. Mais na frente, o próprio Jordan, agora de posse de um anel com metade de energia, aliou-se ao grupo. Contudo ameaçou de morte quem tentasse matar Jordan. Com o fim da Crise nas Infinitas Terras, o vilão retornou à Terra e fora novamente visto, meses depois, na Filadélfia, envolvendo-se numa luta com o Gavião Negro. Depois disto, teve mais outra luta com  Hal Jordan, então novamente como o Lanterna Verde do setor 2814 e novamente fora derrotado, mas escapara para o mar.

A partir daí, o Tubarão enfrentou Aquaman duas vezes, sendo que na segunda, a batalha fora de poderes telepáticos. Aquaman conseguiu derrotar o vilão, convertendo sua capacidade mental e consequentemente seu físico à forma original de tubarão- tigre, e ordenou-o com sua telepatia que se afastasse para águas afastadas.

Reapareceu recentemente novamente como sua forma evoluída, porém potencialmente mais agressivo, nas praias de Coast City. Hal Jordan descobrira que ele fora manipulado cientificamente por alienígenas, que deixaram um rastreador implantado em suas guelras. Num ataque devastador, conseguiu derrotar Hal Jordan, permitindo que ele fosse aprisionado por cientistas gremlins que promoviam experiências evolutivas com cobaias terrestes.