Header image  

No Dia mais Claro, Na Noite Mais Densa, O Mal Sucumbirá Ante A Minha Presença

Todo O Que Venera O Mal Há De Penar, Quando O Poder Do Lanterna Verde Enfrentar!

 
line decor
    ::  
line decor
   
 
INIMIGOS RELACIONADOS

 
  HECTOR HAMMOND

IDENTIDADE E HABITAÇÃO: De identidade desconhecida, adotou este pseudônimo para escapar da Polícia. Originalmente vivia em Coast City

PODERES: Poderes psiônicos, telecinéticos e telepáticos. Capaz de comandar a mente de qualquer pessoa; ex.: comandar a mente de Hal Jordan e, através dela, comandar o anel para atacar o próprio dono. Consegue teleportar sua projeção mental por distâncias espaciais, mas se for potencialmente atacado, sua energia acaba, sua mente entra em colapso e auto-desliga.
ÚLTIMO DESTINO: Após Hal Jordan derrotar e entregar os cientistas gremlins à prisão, Hammond foi entregue à Aeronáutica americana para ser encaminhado. Contudo, devido às experiências feitas com ele, após sua convalescença, ele previria mudanças pra melhor em sua perfomance.
CONFRONTOS:

1º confronto: com Hal Jordan em GREEN LANTERN 5 - 1961: é derrotado e preso.

2º confronto: com Hal Jordan em JUSTICE LEAGUE OF AMERICA 14 - 1962: conseguiu escapar da prisão com sua super-mente, pois já estava com o corpo alterado devido à radiação dos metoros. Enfrenta Hal Jordan à serviço de Amos Fortuna e o entrega ao vilão. Em seguida prossegue livre.

3º confronto: com Hal Jordan em GREEN LANTERN 22 - 1963: em constante evolução cerebral e com seu corpo já paralítico, é derrotado e entregue à Polícia.

4º confronto: com Hal Jordan em GREEN LANTERN 25- 1963: tendo enganado anteriormente Jordan, com a informação de que seu super-cérebro estava avariado, Hammond comanda um ataque a Jordan de dentro da cadeia. Embora provando que poderia escapar, prefere permanecer na cadeia até que o Lanterna Verde fosse destruído. Seu plano de enfrentar Jordan através do Sonar é fracassado, e ele permanece preso.

5º confronto: com Hal Jordan em GREEN LANTERN 34- 1965: Agindo de dentro da cadeia, foi derrotado ao final pelo descontrole de seu próprio construto mental de Guardião do Universo. Permaneceu preso.

6º confronto: com Hal Jordan em GREEN LANTERN 64- 1968: Agindo de dentro da cadeia, foi ao final derrotado em seu intento de destruir a mente de Jordan. Permaneceu preso.

HISTÓRIA: Há mais de um século, um imenso meteoro radiativo adentrou a atmosfera terrestre e fragmentou-se em diversos pedaços. Um deles, caiu na costa leste americana. o então desconhecido estava vagando pelas montanhas, fugindo da polícia, quando encontrou os restos do meteoro e a estranha vegetação  em torno do mesmo, com aparentes 100 mil anos de evolução. Supondo que o meteoro também seria capaz de evoluir seres humanos, seqüestrou 4 cientistas e os expôs aos efeitos do meteorito. A cada dia eles evoluíam mais em intelecto, mas converteram-se em zumbis sem vontade própria. Perseguido pela justiça, adotou o nome falso de Hector Hammond e se aproveitava dos  incríveis conhecimentos dos 4 cientistas para fazer fortuna e ganhar status. Nesta época, chegou a paquerar Carol Ferris; teve, contudo, seu plano desmascarado pelo Lanterna Verde e fora preso.

Conseguindo fugir da prisão, Hammond expôs-se a si mesmo aos efeitos do meteorito. Seu intelecto evoluiu consideravelmente, seu cérebro e crânio ganharam uma dimensão imensa e ganhou fortes poderes mentais psiônicos.

Expondo-se ao meteorito uma segunda vez, ganhara a imortalidade física, porém seu corpo ficaria paralisado indefinidamente. Enfrentou diversas vezes a Hal Jordan, esforçando-se em destruí-lo, sempre era derrotado, mas nunca capturado. Alguns anos mais tarde fora novamente preso pela ação de Jordan e Arqueiro Verde. Sucessivas vezes lutara contra a Liga da Justiça e conseguia dar bastante trabalho ao grupo, mas era derrotado pela atuação em grupo.

Na época que Hal Jordan fora exilado da Terra por um ano pelos Guardiões, Hammond o encontrou num meteoro no espaço e novamente embate contra ele. Ao descobrir que a energia radiativa do meteoro devolveria sua mobilidade, mas o converteria num humano normal. Ele, então, preferiu continuar com seus poderes e viver imóvel.

Na prisão, fora escolhido por Guy Gardner para formar um grupo que iría a uma missão até Qward. Ao tentar sondar a mente do Lanterna Verde rebelde,Hector perde a chance de participar do grupo. Depois de ser rejeitado por Guy Gardner, abandonado numa ilhota deserta, convocado à luta na Crise nas Infinitas Terras e ter retornado novamente à mesma ilha, ele projeta sua mente até Zamaron e propõe a Guy Gardner e Safira Estrela a união de forças a fim de caçar e derrotar Hal Jordan. Fazendo grande esforço contra o poder do anel, o cérebro dele entra em colapso e ele cai inconsciente. Dias depois 2 grupos diferentes, o dos Lanternas da Terra e a quadrilha de vilões do Dr. Polaris resolvem ir até a ilhota para resgatar o corpo imóvel do vilão, mas encontram apenas vestígios de que ele esteve ali. Na verdade, seu corpo imóvel tinha sido resgatado pela Safira Estrela, que planejava unir forças com ele para destruir Hal Jordan; assim toda a Tropa enfraqueceria e seria mais fácil de ser derrotada.

Após uma aparente vitória sobre Jordan, ambos voltam-se para sua então namorada Arísia e a aprisionam sob tortura. Em seguida, Jordan reaparece e enfrenta o dueto de inimigos letais.  Contudo, Hammond desentende-se com Safira Estrela e ambos começam a lutar entre si. Graças à gema- safira da vilã, Hector não consegue controlar a sua mente. Com a luta, o controle mental que Safira Estrela mantinha sobre Arísia diminuiu, ela consegue se livrar e auxilia Jordan na derrota dos 2 vilões.

Hammond fora preso, mas após conseguir ser solto, enfrentou o Lanterna Verde Alan Scott, mas fora derrotado, em virtude do total controle sobre o anel vindo da parte de Scott. Após uma união com o gorila Grood, enfrentando  Hal Jordan e o Flash Wally West, e sendo derrotados com muita dificuldade da parte dos heróis, Hammond une-se a um grupo de super-vilões, mas é derrotado junto com o grupo pela Liga da Justiça.

Posteriormente cumprindo pena numa prisão para super-vilões, com complexos aparelhos instalados em seu longo crânio, que o impedíam de usar seu poder e o mantínham sempre como que "drogado". Apesar disto tudo, conseguiu previr a vinda da entidade maligna Parallax do espaço, alguns anos depois. Hammond fora uma das cobaias dos gremlins, cientistas capitalistas de Krolot, no setor 2812, que estavam fazendo experimentos evolucionários visando reengenharia biológica e tecnológica. Nestes experimentos, os poderes mentais de Hammond foram amplificados, a parte superior de seu crânio cortada e seu córtex cerebral retirado e avaliado.