Header image  

No Dia mais Claro, Na Noite Mais Densa, O Mal Sucumbirá Ante A Minha Presença

Todo O Que Venera O Mal Há De Penar, Quando O Poder Do Lanterna Verde Enfrentar!

 
line decor
    ::  
line decor
   
 
INIMIGOS RELACIONADOS

 
  GUDRON e VORTAN

IDENTIDADE E HABITAÇÃO: Robôs criados pelo super-computador do Conselho Solar no futuro do ano 5708

PODERES: capacidade de luta corporal e armados com raios mortais
ÚLTIMO DESTINO: destruídos ao serem derrotados por Hal Jordan.
CONFRONTOS: GREEN LANTERN 66 - 1968
HISTÓRIA: Em viagem temporal realizada no ano 5707, Hal Jordan auxiliou o Pres. Dasor e os membros do Conselho Solar a criar um super-computador que auxiliasse nas complexas tarefas de governo da Terra e seus planetas colonizados. Contudo, no ano seguinte, o mesmo já havia tomado o contole mental de toda a população, incutindo em suas mentes que o trabalho não era mais necessário e inclusive proibido. A partir daí, todos os elementos da administração da vida humana eram geridos pelo super-computador. 2 robôs foram criados para ações de defesa e eram eles que se apresentavam como governadores da população. O 1º chamava-se GUDRON. Quando Jordan chegou do passado ao ano 5708 e rebateu o doutrinamento hipnótico incutido na população, Dasor acionou um dispositivo que alertou Gudron do que estava contecendo e o mesmo apareceu para enfrentar o Lanterna Verde como um inimigo. Com extrema força física, capacidade de luta corporal e conseguindo sobrepujar os construtos de Jordan, Gudron quase o derrotou, não fosse ser pego de surpresa pelas costas por um construto de bumerangue criado por Jordan. Ao ser nocauteado, seu corpo derreteu-se completamente. Momentos depois, apareceu VORTAN, o substituto de Gudron, com o dobro da força do anterior e provido de uma arma embutida de raios fatais. Prestes a executar o herói esmeralda, Vortan não esperava que Iona Vane conseguisse libertar-se do controle mental graças ao amor que sentia pelo Lanterna Verde e conseguisse ao menos atrapalhar o robô, dando tempo para Jordan planejar sua ofensiva. O combate foi acirrado, mas Jordan consegue nocauteá-lo no final. Coma derrota, Vortan também de auto-derrete. Em seguida Jordan entra dentro da estrutura gigantesca do super computador e lá de dentro provoca a auto-destruição da máquina, fazendo-a explodir em pedaços. Mesmo protegido pelo anel de poder, o uniforme de Jordan fica em frangalhos com a explosão, tão potente ela foi.