Header image  

No Dia mais Claro, Na Noite Mais Densa, O Mal Sucumbirá Ante A Minha Presença

Todo O Que Venera O Mal Há De Penar, Quando O Poder Do Lanterna Verde Enfrentar!

 
line decor
    ::  
line decor
   
 
INIMIGOS RELACIONADOS

 
  AL MAGONE

IDENTIDADE E HABITAÇÃO: Gângster americano agindo na década de 20. Passou a viver no planeta-prisão de Gmane, aprisionado lá por Abin Sur.

PODERES: Nenhum. Com sua capacidade de liderança, passou a supervisionar e liderar a quadrilha de vilões alienígenas presos no planeta
ÚLTIMO DESTINO: Texto
CONFRONTOS: GREEN LANTERN 55/1967
HISTÓRIA: 1928. Um ano em que traficantes e gângsteres se multiplicavam como a grande força da Terra, mas nenhum foi mais poderoso e perigoso do que Al Magone.
Seu diferencial de sucesso no crime foi sua organização, a delegação de tarefas, para que outros fizessem o trabalho sujo por ele. Ele aterrorizava até os mais pobres comerciantes e o medo se espalhou como uma praga. Ele se tornou um verdadeiro rei do crime, o seu império tornou-se enorme.
Finalmente, os Guardiões tomaramuma decisão e contataram Abin Sur, o Lanterna Verde do setor que abrangia a Terra. A razão era que a maldade de Al Magone crescia de forma tão intensa que seria capaz de espalhar-se e infectar outros mundos! Ele tornou-se o vilão público nº 1 e deveria ser aprisionado o quanto antes.

Abin Sur recebeu ordens de ir a Terra e prendê-lo, levando-o para o planeta-prisão de Gmane! Cada um super-criminoso ali permanecia preso a uma época de tempo diferente. Eles não podíam escapar ou entrar em contato entre si, pois um não se encontrava com o outro. Ali a velhice era retardada; porisso a prisão era perpétua.
Ali, Magone foi deixado por Abin Sur, e o criminoso encontrou ali água, comida e fez para si um abrigo. Assim ele sobreviveu; mas sem os Guardiões suspeitarem, Magone nunca abandonou seu ardente desejo de fuga nempor um instante, durante todos os anos que ali ficou.
Um dia, explorando minuciosamente o planeta estéril a fim de encontrar algo que pudesse ajudá-lo a escapar, deparou-se com um objeto estranho. Era uma sonda espacial enviada por uma raça inteligente no extremo da galáxia, que tinha se perdido e pousou danificada há um ano antes. Magone analisou a sonda desconfiado. Então, sem saber, fuçando nos dispositivos do aparato encostou 2 fios, causando com isto uma explosão, mas uma explosão diferente. Embora Magone não fosse afetado, foi liberada uma intensa energia que danificou as divisões temporais artificiais que os Guardiões haviam criado no planeta para manter os presos para sempre separados.
Mas o ex-Rei do Crime da Terra não precisava preocupar-se. Os recém-chegados não eram seus inimigos, mas sim, admiraram-se muito com o feito dele em colocá-los todos juntos, e tornaram-se seus aliados, pois todos eram maus e criminosos como ele.
Uma vez juntos na mesma fase temporal, combinando seus talentos para o mal, os vilões alienígenas desenvolveram uma nova forma incrivelmente mortal de mini-nucleo de energia! entre outras coisas, ele tinha a capacidade de superar as defesas dos anéis de poder dos Lanternas Verdes e sugar-lhes a energia, podendo assim, destruí-los. Diversos criminosos, de mundos avançados, iniciaram a construção de naves espaciais a partir da matéria-prima encontrada no planeta, e Al Magone, mesmo sem nenhum talento científico próprio, organizou os trabalhos e passou a supervisionar o desenvolvimento dos trabalhos.
Agindo exatamente como agia na Terra, e logrando o mesmo êxito, por fim ele destacou um dos criminosos, um robô chamado Tenavor para que iniciasse a caça do Lanterna Verde da Terra, a título de vingança. O robô encontrou um ator de um filme cujo papel era o de Lanterna Verde e o executou, envolvendo Hal Jordan nos acontecimentos. Uma linha de frente de Lanternas Verdes foi enviada ao planeta para sufocar a rebelião, mas todos os 13 Lanternas Verdes que a compunham foram executados, dentre eles DAVO YULL e CHOGAR. Toda a Tropa foi convocada em Oa pelos Guardiões, com Hal Jordan incluso, para enfrentar os vilões amotinados no planeta.